A Microsoft vai lançar o Worldwide Telescope, que permite explorar imagens do céu, até ao final deste mês, de forma gratuita para qualquer utilizador, segundo avançou o co-fundador e presidente do conselho da empresa, Bill Gates.

O software é a resposta da gigante de informática ao Google Sky, lançado em Agosto do ano passado, e permite que os utilizadores "naveguem" pelo universo, através de dados recolhidos por telescópios em todo o mundo. O programa contará com conteúdo até do Hubble, da Nasa.

"Junta dados muito complexos, num processo que durou muitos anos e envolveu muitos telescópios de forma a torná-los acessíveis", explicou Gates, num discurso em Jacarta, na Indonésia.

A Microsoft não deu mais detalhes sobre o programa, além daqueles que o multimilionário revelou no seu discurso. Os utilizadores interessados no programa poderão criar as suas próprias viagens por certas partes do universo ou ouvir professores que publicaram os seus próprios roteiros.

Bill Gates afirmou que as técnicas de recolha de dados do Worldwide Telescope poderão ser ampliada para outros assuntos, sem, no entanto, revelar se a companhia está a trabalhar em projectos semelhantes.

0 comentários:

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial